sexta-feira, 17 de novembro de 2017

FNDE lança filme e concurso em homenagem aos 80 anos do livro didático


Em razão dos 80 anos de existência da política pública do livro didático, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) lançou filme comemorativo que remonta todo o caminho da cadeia de aquisição dos livros didáticos. Da publicação do edital à chegada do livro nas escolas pode-se levar até três anos. Já o ciclo completo do livro - até o seu descarte final - pode durar sete anos. Todo o processo foi remontado no filme que demonstra o cuidado com a qualidade do material distribuído para os mais de 41 milhões de estudantes de escolas públicas em todo o país. A“Fantástica História dos Livros Didáticos” (link https://youtu.be/0-Fz14JrQEw ) tem cerca de 3’40’’ de duração e é dedicada a todos os estudantes e professores brasileiros.
Também foi lançado o concurso literário “Faça parte dessa história”, que pretende selecionar os maiores talentos das escolas públicas do Brasil na arte de escrever. O concurso é voltado para estudantes devidamente matriculados em turmas de ensino fundamental e médio das escolas públicas brasileiras. As inscrições serão realizadas de 15 de dezembro a 2 de março de 2018, unicamente pela página do concurso http://www.fnde.gov.br/concursoliterario/.
Poderão ser inscritas obras nos seguintes gêneros literários: poema, conto, crônica, novela, teatro, texto da tradição popular, romance, memória, diário, biografia, relatos de experiências e história em quadrinhos.
O primeiro lugar de cada uma das categorias ganhará uma viagem internacional para conhecer a maior feira de livros do mundo, a Feira do Livro de Frankfurt, na Alemanha. Os três finalistas de cada categoria (anos iniciais do ensino fundamental, anos finais do ensino fundamental e ensino médio) também serão premiados com uma viagem de visita à Bienal do Livro de São Paulo, em 2018, e poderão acompanhar a produção e distribuição do livro didático, na capital paulista. E ainda levarão pra casa um acervo completo de livros literários.
“O incentivo à leitura deve começar desde cedo. É através dela que nossos jovens podem ampliar seus conhecimentos e criar uma nova percepção de mundo. A capacidade de interpretar o mundo começa aqui e, nesse sentido, a comemoração dos 80 anos do PNLD é uma grande vitória para todos nós. Uma política quase centenária que continua a crescer e a dar bons frutos”, afirma o presidente do FNDE, Silvio Pinheiro. “Acreditamos que o concurso literário será um grande movimento em favor da criatividade dos nossos estudantes. Temos certeza que teremos grandes obras inscritas”, concluiu.
História
O Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) é o mais antigo dos programas voltados à distribuição de obras didáticas aos estudantes da rede pública de ensino brasileira e iniciou-se, com outra denominação, em 1937. Ao longo desses 80 anos, o programa foi aperfeiçoado e teve diferentes nomes e formas de execução. Atualmente, o PNLD é voltado à educação básica brasileira, tendo como única exceção os alunos da educação infantil.
Foi em 1985 que o programa passou a se parecer com o que conhecemos hoje. Naquele ano passou a se chamar Programa Nacional do Livro Didático (PNLD), e não mudou só de nome. Passou a ser mais democrático e abrangente. Os livros didáticos passaram a ser indicados pelos professores, estabeleceu-se a reutilização do livro, implicando a abolição do livro descartável e o aperfeiçoamento das especificações técnicas para sua produção, visando maior durabilidade e possibilitando a implantação de bancos de livros didáticos. No mesmo ano também chegava ao fim a participação financeira dos estados, passando toda a responsabilidade para o Governo Federal.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do FNDE

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Pré-matrículas para escolas estaduais iniciam nesta segunda (13)

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) inicia a partir de hoje (13) o período de pré-matrícula para a 1ª série do Ensino Médio em escolas de ampla concorrência na rede estadual de ensino. Podem se inscrever pelo site da Seduc alunos que estão concluindo o 9º ano do Ensino Fundamental em escolas das redes federal, estadual, municipal ou privada.
Neste primeiro momento, o estudante poderá fazer a pré-matrícula apenas para os seguintes Centros de Ensino: Liceu Maranhense (turnos matutino e vespertino) e Paulo VI (matutino), ambos em São Luís, e Graça Aranha (matutino), em Imperatriz. A pré-matrícula segue até as 23h59 do dia 17 (sexta-feira).
Os estudantes que optarem por essas escolas serão classificados de acordo com média geral da carreira escolar do 9º ano. Serão levadas em consideração as médias dos três primeiros bimestres das disciplinas Língua Portuguesa e Matemática e o número de faltas nos três primeiros bimestres no componente curricular Língua Portuguesa.  Esses dados deverão ser solicitados à escola atual do estudante em declaração, conforme modelo disponível no site da Seduc.
O resultado do processo classificatório para as escolas de ampla concorrência estará disponível para consulta a partir das 8h do dia 20 (segunda-feira) às 23h59 do dia 24 (sexta-feira), deste mês.
Pré-matrícula geral
A pré-matrícula geral para a 1ª série do Ensino Médio nas 722 escolas da rede estadual de ensino começa a partir das 8h do dia 27 (segunda-feira) às 23h59 do dia 8 de dezembro no portal da Seduc: http://sistemas.educacao.ma.gov.br/matricula2018/

No ato da pré-matrícula os alunos poderão optar por uma das escolas estaduais, exceto as unidades escolares das modalidades de Educação do Campo, Educação Especial, Educação Indígena, Educação Quilombola e Educação de Jovens e Adultos. Os estudantes que optarem pelo Ensino Médio em um dos Centros de Educação Integral ‘Educa Mais’ serão informados pelo sistema no ato da pré-matrícula, que irão frequentar a escola do turno diurno (manhã e tarde).
Ao selecionar a escola o estudante automaticamente assume a vaga disponível na escola de sua preferência. Cada estudante só poderá solicitar pré-matrícula em uma única escola. As vagas obedecerão à ordem de acesso ao sistema de matrícula.
Após o encerramento do período da pré-matrícula, o estudante receberá a confirmação no próprio sistema de que sua pré-matrícula foi realizada com sucesso. A matrícula só será validada a partir do momento que o aluno entregar a documentação na escola.
Matrículas
As matrículas serão efetivadas no período de 8 a 19 de janeiro de 2018. Para a matrícula ou rematrícula no 2º e 3º anos do Ensino Médio e nas séries do Ensino Fundamental, da Rede Estadual, os pais ou responsáveis devem procurar diretamente às escolas para matricular seus filhos.
Qualquer dúvida é só acessar o site www.educacao.ma.gov.br e clicar no link pré-matrícula online.

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Agenda de Atividades da Coordenação de Educação da Igualdade Racial de Imperatriz


 1. PRÉ-SELEÇÃO DO FESTIVAL DE MÚSICA NEGRA

Informamos que em função da Conferencia Estadual de Igualdade Racial realizar-se de 17 a 19 deste, foi feita uma alteração na data da pré-seleção do Festival de Música (que estava prevista para o dia 17 de outubro).
Nova data: 23 de outubro de 2017.
Local: CE Dorgival Pinheiro de Sousa
Horário: 19h (OBS: Os/as  alunos/as intérpretes deverão chegar ao local as 18h para testarem o som).

2. VIII FESTIAFRO – Mostra de Interpretação Teatral (poema, conto, crônica e dramaturgia).

- Observação: Temos um acervo razoável de textos selecionados, principalmente poemas. Quem tiver dificuldades em encontrar textos para interpretação por nossos/as estudantes, entre em contato conosco e enviaremos por email.
 - Pedimos que façam as inscrições o quanto antes, pois desta forma os ensaios terão logo início aos ensaios com os/as estudantes intérpretes e a professora Eró Cunha.
 - Datas do FESTIAFRO: Pré-seleção: 08/11 (No auditórios da URE Imperatriz). Finalíssima: 13/11 (No auditório da UEMASUL)

3. VIII MOSTRA DE DESENHOS AFROS – 2017 –  
TEMA:  Juventude Negra e Cultura: Identidade, inclusão e liberdade.
Inscrições abertas até o dia 20 deste.
 É importante divulgar estes eventos na escola para estimular a participação dos/as alunos/as talentos e possibilitar o protagonismo juvenil. Lembramos que estas atividades se inserem nos conteúdos da Lei 10.639/03 (Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana.

Contamos com o apoio de todos 
Agradece: Equipe CEIRI

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

3º Simuladão Mais Ideb na UREI supera meta de participação

Realização do 3º Simulado no CE Dorgival Pinheiro
Foto: Cida Marconcine
Mais de 200 mil estudantes da rede estadual de ensino participaram do 3º ‘Simuladão Mais Ideb’, que aconteceu nesta terça-feira (3). O simulado é mais uma ação integrante do Plano Mais Ideb e tem por objetivo fazer uma avaliação diagnóstica para levantamento das aprendizagens devolvidas e consolidadas pelos estudantes da rede de ensino. 

Aluna com baixa visão realiza simulado com prova ampliada
no CE Henrique de La Roque (João Lisboa)
Foto: Divulgação
Na Unidade Regional de Educação de Imperatriz (UREI), este 3º Simulado Mais Ideb movimentou todos os Centros de Ensino, dos 15 municípios que pertencem a esta Regional de Educação. As articuladoras do Plano Mais Ideb, na UREI, são as professoras Leila Lopes Pereira e Aurenir Terto, que estão à frente em todas as ações necessárias para que o Mais Ideb obtenha resultados positivos na Regional de Imperatriz.

Diretora Regional de Educação, profª Suelly Leal acompanhou
 a aplicação do Simulado no CE Governador Archer
Foto: Divulgação
"Parabenizo e agradeço o trabalho e dedicação de todos os gestores escolares para que o Plano Mais Ideb seja um sucesso em nossa Regional. O dia foi muito produtivo. Tenho certeza que avançamos muito. Ainda temos um caminho para percorrermos até a Prova Brasil, mas tenho a certeza também que vamos alcançar a nossa meta!", afirma a gestora Regional de Educação, Profª Drª Orleane Santana.

"Acreditamos no trabalho de cada um e aproveitamos para agradecer o esforço, dedicação e compromisso que os gestores escolares tiveram com a realização dos simulados Mais Ideb", destaca a articuladora do Plano, professora Leila Lopes.

A aplicação do ‘Simulado Mais Ideb’ tem uma dinâmica similar à Prova Brasil. Os cadernos de provas estão divididos em quatro blocos, sendo os dois primeiros de Matemática e os demais de Língua Portuguesa. Assim como nos demais simulados, o 3º Simuladão Mais Ideb valerá nota para os estudantes e o resultado será apresentado na forma de boletim de desempenho estadual e por Regional com a indicação dos percentuais de acerto por item/habilidade para reflexão e definição de uso pedagógico adequado ao resultado encontrado.

Todos os alunos de 3º ano do CE Tancredo de Almeida Neves
compareceram para o 3º Simulado Mais Ideb
 Foto: Divulgação
"Fazer esse simulado foi muito interessante e de extrema importância como preparação para a Prova Brasil, para o Enem e todos os vestibulares que nós, alunos do 3º anos iremos prestar. Foi uma ideia excelente do Governo e eu como aluno posso dizer que todos os três simulados foram muito proveitosos para o meu aprendizado", conta o estudante do CE Dorgival Pinheiro de Sousa, Fábio Francisco Castro Silva. Opinião que também é partilhada por seu colega de sala Fabrício da Silva Lima: "Nós passamos pela etapa dos simulados como preparação para a Prova Brasil e é algo que o Governo do Estado veio a acrescentar para nós, proporcionando esses simulados para que venhamos ter um maior desenvolvimento nas provas, para trazer bons resultados para o Maranhão", relata ele.

A Meta esperada de participação dos alunos de 3º anos é de 90%, que foi superada em muitas escolas da Unidade Regional de Educação de Imperatriz, como por exemplo do CE João Pereira Martins Neto (Estreito) 93,9%, CE Rio Amazonas (João Lisboa) e CE Tancredo de Almeida Neves (Imperatriz) que conseguiu atingir 100% de participação dos alunos do 3º ano neste último Simulado Mais Ideb.

Fonte: Seduc/Cida Marconcine

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Primeiro Aulão do Enem acontece com sucesso em Imperatriz

Aconteceu neste domingo (01/10) o primeiro Aulão do Enem 2017, no auditório da Faculdade de Educação Santa Teresinha - FEST (Avenida Perimetral, 481 – Parque do Buriti), das 8 às 12 h e das 14 às 18 h. O aulão é promovido pela Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e coordenado em Imperatriz pela Unidade Regional de Educação de Imperatriz (UREI). Neste primeiro aulão aconteceram aulas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, com os professores Laércio (Física), Roberto Perez (Química) e Emílio (Biologia)

Este ano, o Aulão já foi levado para diversos municípios maranhenses, beneficiando milhares de estudantes em todas as regiões do Estado. As aulas tiveram início neste domingo (01), em São Luís e Imperatriz.

"Domingo de luta gratificante ajudando nosso Maranhão a crescer através da educação no Aulão do ENEM. Parabéns Governo Estadual por pensar nos alunos de Escolas Públicas em geral, sem condições de frequentar um preparatório. Oportuna esta ação​, sucesso total!!! Agradeço o convite em nome da gestão das professoras Orleane Santana e Suelly Leal", destaca o professor de Química Roberto Perez.

Durante as aulas são repassados os conteúdos de todas as disciplinas do Enem. As aulas são ministradas por profissionais com vasta experiência em pré-vestibular e os alunos inscritos ainda têm direito a apostila com informações teóricas e exercícios.

"Estou muito feliz com o sucesso que foi este primeiro Aulão do Enem, que é uma parceria da Secti e Seduc. É o Governo do Maranhão promovendo a Democratização do acesso ao Ensino Superior!!!", ressalta a gestora Regional de Educação, Profª Drª Orleane Santana.



PRÓXIMOS AULÕES

08/10 - Ciências Humanas e suas Tecnologias
15/10 - Linguagens, Código e suas Tecnologias
22/10 - Matemática e Redação

INSCRIÇÕES AQUI

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Monitoramento e Avaliação dos Planos Municipais de Educação na URE de Imperatriz


Gestora Regional de Educação (Profª Orleane Santana),
articuladoras do PME e participantes da Formação na UREI

Foto: Divulgação
Diretora Regional de Educação (Profª Suelly Leal) e
Comissão de Imperatriz (SEMED)
A Secretaria de Articulação do Sistema de Ensino (SASE/MEC), por meio da Rede de Assistência Técnica para o Monitoramento e Avaliação dos Planos Municipais de Educação, em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (SEDUC) e com a União dos Dirigentes Municipais de Educação (UNDIME/MA), realiza encontro de Formação das Equipes Técnicas e Comissões Coordenadoras para o processo de Monitoramento e Avaliação dos Planos Municipais de Educação em 04 Etapas, nos dias 28 e 29 de setembro de 2017, no auditório da Unidade Regional de Educação de Imperatriz (UREI). O encontro, que tem como objetivo monitorar e alinhar os Planos Municipais de Educação (PME) com o Plano Nacional de Educação (PNE), teve o direcionamento das articuladora do CONVIVA Educação, Vilma da Cruz, e da avaliadora Educacional do PME/UNDIME, Tânia Cristina de Jesus.
Avaliadora Educacional do PME/UNDIME,
Tânia Cristina de Jesus
Participam do encontro representantes da Comissão Coordenadora do PME e 01 representante da Equipe Técnica, dos 15 municípios que pertencem a esta Regional de Educação. Esta formação oportuniza a continuidade do trabalho e a qualificação da execução das metas e estratégias do Plano Municipal de Educação.
Para a formação, foram utilizados materiais disponíveis no site http://pne.mec.gov.br/monitorando-e-avaliando/monitoramento-das-metas-do-pne-2014-2024)

Texto/fotos: Cida Marconcine


quinta-feira, 21 de setembro de 2017

URE de Imperatriz realiza 4º Encontro de Coordenadores Pedagógicos

4º Encontro de Coordenadores Pedagógicos
aconteceu no auditório do NTE

Nesta terça (19), aconteceu o 4º Encontro de coordenadores pedagógicos, com temática sobre Conselho de Classe Participativo. O encontro foi realizado pela Unidade Regional de Educação de Imperatriz, através do Grupo de Trabalho 2 (GT 2), do Departamento Pedagógico da UREI. Fazem parte do GT 2 e estiveram a frente desta formação as supervisoras escolares e  professoras Maria do Socorro Araújo, Anatalice Fernandes e Aglaides Soares.

Professora Socorro Araújo, durante as atividades do encontro
sobre Conselho de Classe Participativo
“Este encontro é uma oportunidade de sensibilizar a coordenação pedagógica dos Centros de Ensino para a importância da transformação das práticas pedagógicas a partir da proposta de democratização do Conselho de Classe Participativo”, esclarece a supervisora escolar Maria do Socorro Araújo.

Professor Antonio de Pádua, durante abertura do encontro
A abertura do encontro esteve ao comando do prof. Antonio de Pádua e a palavra institucional ficou por conta da professora Aurenir Terto, que é a coordenadora pedagógica da UREI, além de articuladora do Plano Mais Ideb na Regional de Educação.

Aurenir Terto, coordenadora pedagógica da UREI
durante fala institucional
Várias atividades foram desenvolvidas durante a formação, como retrospectiva dos encontros anteriores, análise de fichas de pré-conselho de classe, apresentação de sugestões de fichas de pré-conselhos, entre outras.

Coordenadora pedagógica do CE Tancredo Neves, professora Izabel Lima Silva,
durante apresentação da experiência exitosa com alunos da escola
O ponto alto do encontro foi a socialização das experiências exitosas realizadas nos Centros de Ensino, a partir de depoimentos de como está acontecendo o Conselho de Classe participativo na escola, com uso de vídeos, imagens, slides, áudios e portfólios.

Profª Auricélia de Souza Santos, coordenadora pedagógica
do CE Salomão Cury-Rad, 
durante apresentação da experiência exitosa
 “O Conselho de Classe participativo está sendo muito bem aceito no CE Salomão Cury-Rad. Acredito que teremos resultados muito positivos com a realização do Conselho de Classe nesses moldes. Realizamos duas oficinas para fortalecimento das idéias de democratização no Conselho de Classe em nossa escola”, destaca a professora Auricélia de Souza Santos, coordenadora pedagógica do CE Salomão Cury-Rad, do município de Senador La Roque, que realizou oficinas com professores, com líderes de turmas, além de todas as etapas do Conselho de Classe Participativo: pré-conselho, conselho de classe e pós-conselho.

No encerramento, os coordenadores pedagógicos presentes receberam todo o material utilizado durante a formação em um CD personalizado pelo GT 2.

Professoras Aglaides Soares, Anatalice Fernandes e Socorro Araújo
Integrantes do GT 1/UREI
CDs personalizados pelo GT 1/UREI com os materiais
da formação de Coordenadores pedagógicos

Texto/Fotos: Cida Marconcine